Startup Rio concorre ao Oscar das startups brasileiras.

()

No ano passado o programa Startup Rio, vinculado à Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e, Inovação – SECTI, estreou no Top 10 nacional de 2019, na categoria Aceleradora do Ano, na premiação do Startups Awards, o Oscar das startups brasileiras.  O prêmio é um reconhecimento como uma das dez principais aceleradoras do país, sendo a única ligada a um governo estadual.

Dentre as 13 categorias premiadas estão: Aceleradoras, Comunidade do Ano, Comunidade Revelação, Corporate, Educação, Herói (a), HUB, Impacto Social, Investidor (a) Anjo (a), Mentor (a), Imprensa, Startup do Ano e Startup Revelação. O objetivo da premiação é reconhecer os profissionais e empresas mais influentes do ecossistema brasileiro de startups.

Neste ano a votação para o prêmio Startups Awards 2020 vai até esta segunda-feira (21/09) e a Startup Rio concorre novamente na categoria Aceleradora do Ano.

“É um orgulho ver a Startup Rio participando de um prêmio tão importante. Muitos desses projetos podem ser usados para a melhoria dos serviços públicos”, disse o governador Cláudio Castro.

A secretária de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, Maria Isabel de Castro, diz que concorrer novamente ao Startup Awards só mostra que o comprometimento do Estado com a inovação tem sido contínuo.

“O Startup Rio é o único programa vinculado a um governo estadual que está participando. Isso nos enche de orgulho e sinaliza um bom trabalho que tem como objetivo colocar o Rio de Janeiro cada vez mais em destaque nesse importante ecossistema”, pontuou Maria Isabel.

Segundo o coordenador geral do Startup Rio, Paulo Espanha, entender, estudar, repensar e planejar foram as ações durante cerca de 9 meses em 2019, tratando o Programa como uma startup.

“Qual o melhor modelo? Construir, medir e aprender. Foi o que fizemos para sonhar o sonho que sonhamos. E realizar! A premiação do Startups Awards reflete o impacto sobre os atores do ecossistema empreendedor do Rio. Estamos trazendo profundas transformações  para as pessoas e a sociedade fluminense.”, Comenta Paulo.

Nesta semana, o Startup Rio deu início à edição histórica 2020. Foram mais de 300 propostas, 172 startups selecionadas, 9 municípios do estado do Rio participantes e 6 milhões de reais investidos nos empreendedores.

Para ajudar a continuar a missão do Startup Rio e impactar cada vez mais o ecossistema empreendedor, o programa indica os seguintes nomes para a votação do Startups Awards 2020:

Baixe o APP

iOS: https://apps.apple.com/br/app/startup-awards/id1528033007

Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.startupawards

Depois clique em menu e atenção nas categorias / startups / Linkedins para indicar corretamente o Startup Rio:

Aceleradora do Ano:

Startup Rio

https://www.linkedin.com/company/startuprio/

Comunidade do Ano:

ERREJOTA

https://www.linkedin.com/company/errejotacomunidade

Comunidade Revelação:

Noroeste Valley

https://www.linkedin.com/in/noroestevalley/

Startup de Impacto Social:

Tag Hope

https://www.linkedin.com/company/taghope/

Startup Revelação:

Delta Arcade

https://www.linkedin.com/company/delta-arcade-studio

Triágil

https://www.linkedin.com/company/triagil/ 

Real Valor

https://www.linkedin.com/company/real-valor

Herói/Heroína:

Lindália Junqueira

https://www.linkedin.com/in/lindalia-sofia-junqueira-reis-488123b/

Ricardo Motta

https://www.linkedin.com/in/rrmotta/

Mentor/Mentora:

Marcelo Matos

https://www.linkedin.com/in/marcelomatosoficial

Profissional de Imprensa:

Marcos Nahmias

https://www.linkedin.com/in/marcos-nahmias-219b29a5/

Startup Destaque:

Cyberlabs AI

https://www.linkedin.com/company/cyberlabsai

O programa Startup Rio Conta com suas indicações para tornar mais curta a distância entre uma boa ideia e um negócio que atenda demandas da sociedade.

Sobre o Startup Rio

O programa Startup Rio é fomentado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj), vinculada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI). Atualmente, 172 startups são aceleradas pelo StartupRIO e funcionam gratuitamente no espaço de co-working do programa com mais de 1.000m², no Catete, na Zona Sul. No total, 116 startups já receberam o fomento do Governo do Estado do Rio, em seis anos.

O componente educacional tem a função de apoiar o desenvolvimento dos projetos e de uma cultura empreendedora, de forma dinâmica e completa, utilizando técnicas de ensino modernas e inovadoras especialmente desenhadas pela equipe do programa para empreendedores.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *