Preenchimento labial, ele tomou conta de Hollywood e chegou ao Brasil

Os lábios cheios estão em alta e causam polêmica. Descobrimos tudo sobre o procedimento!

Dr Rogerio Marques conta tudo o que precisa saber para se dar bem com a agulha.

Ao contrário do que muitos pensam, a técnica permite resultados naturais que melhoram a harmonia da face, elevando ainda mais a confiança e autoestima. Afinal, anônimas ou não, todas querem estar felizes com a sua aparência.

O último alvoroço no mundo virtual foi aqui no Brasil, causado pela cantora Anitta, ao aparecer com a boca mais sinuosa. Se você está considerando fazer parte do time das mulheres de lábios preenchidos,

Como é feito o procedimento?

O preenchimento labial é um procedimento feito com substâncias injetáveis, conhecidas como preenchedores faciais, que visam dar volume aos lábios, conferindo uma aparência mais jovem e/ou sensual, harmonizando a face e minimizando os sinais de envelhecimento.  A tendência mundial é utilizar o ácido hialurônico (AH), como material de preenchimento. O procedimento é feito com anestesia local ou tópica, dependendo da preferência do paciente. O AH é aplicado em locais e quantidades, conforme a necessidade de cada paciente. Ou seja, cada lábio tem uma abordagem individualizada para atingir as expectativas do paciente.

Para que o preenchimento é indicado?

Com envelhecimento facial, a região ao redor da boca sobre mudanças importantes. Começam a surgir as rugas em torno boca, os lábios sofrem atrofia tecidual, perdem o contorno natural, ficam murchos, planos e sem desenho. Há também mulheres que possuem lábios finos, assimétricos ou desproporcionais. Em ambos os casos o preenchimento pode ser indicado para dar uma aparência mais jovial, harmônica e/ou sensual.

É preciso algum cuidado antes do procedimento?

Sim. Primeiramente deve-se ter uma boa conversa com o paciente para entender qual o objetivo que ele deseja alcançar com o procedimento. A seguir, procede-se uma avaliação clínica que inclui a anamnese e o exame físico. A anamnese consiste em um questionário e uma entrevista para descobrir possíveis antecedentes patológicos, psicológicos e hereditários e/ou hábitos diários que possam ter influência direta ou indireta no resultado do preenchimento labial. Por exemplo, alguma alergia ao AH ou anestésicos, herpes labial recorrente, presença de outros tipos de preenchedores na área, cirurgia prévia, entre outros. O exame físico busca identificar alterações morfológicas, anatômicas, cicatrizes, além de avaliar o grau de envelhecimento da região. Feitas estas avaliações iniciais, e o paciente estando apto, procede-se uma medicação profilática (antes do procedimento) conforme a necessidade individual. Esta medicação tem por objetivo prevenir infecções, reduzir possível edema e dor, evitar a recidiva de herpes labial. Resumindo, apesar de ser um procedimento simples, é fundamental seguir um serie de cuidados antes de iniciar o preenchimento labial.

Como é o processo de recuperação?

Cada paciente tem uma resposta. No geral ocorre apenas um edema discreto e hematomas que persistem por uma semana. O profissional deve orientar o paciente para que ocorrar uma recuperação plena o mais rápido possível, sendo muito importante que o paciente siga as orientações para evitar complicações.

Se o resultado não atender às expectativas da paciente, é possível reverter o procedimento?

Sim, desde que ele tenha sido feito com um preenchedor a base de AH. A reversibilidade do AH é possível utilizando-se uma enzima chamada hialuronidase. Esta enzima quebra a cadeia do AH, fazendo com que ele perca sua capacidade de volumizar e seja absorvido rapidamente. Desta forma o preenchedor é removido e o lábio volta a sua condição original.

Existe a necessidade de retoque? Em quanto tempo?

O retoque é uma exceção e não uma regra. Todos os pacientes são reavaliados após uma ou duas semanas. O retoque só é feito quanto ocorreu algum comprometimento do resultado esperado e, de preferência, após 15 dias.

Qual é a duração do preenchimento nos lábios?

Quando for utilizado um preenchedor absorvível, como ácido hialurônico serão necessárias aplicações periódicas para a manutenção dos resultados. O tempo de duração do preenchimento labial varia, dependendo do fabricante e da resposta do paciente. O mais comum é durar entre 4 a 8 meses.

IMAGENS INTERNET  /VHASSESORIA

Serviço : http://www.mmdentalstudio.com.br/

, , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.